Empoderamento: Funcionárias do Salvador Bahia Airport estimulam meninas a seguir carreiras técnicas

Empoderamento: Funcionárias do Salvador Bahia Airport estimulam meninas a seguir carreiras técnicas

Profissionais compartilham a sua rotina na engenharia e na tecnologia da informação com estudantes de ensino médio

 
Estimular mulheres no mercado de trabalho e incentivar meninas a seguirem os seus sonhos. Estes são alguns dos objetivos da adesão do Salvador Bahia Airport ao projeto "Girls on the move". A iniciativa é global e pretende fomentar profissionais mulheres nas áreas de ciência, tecnologia e engenharia a conversar sobre a diversidade de oportunidade de carreiras na área técnica com garotas de 14 a 24 anos.

 
As primeiras conversas aconteceram no dia 05 de março, no Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) de Mussurunga, com meninas de 16 a 19 anos. Marcele Santos, especialista em segurança da informação, e Alessandra Pereira dos Reis, analista de meio ambiente, compartilharam suas experiências na profissão, o caminho trilhado até o momento atual de suas carreiras e as dificuldades enfrentadas no mercado de trabalho.

 
"O movimento é importante porque passa a mensagem de que sim, você jovem mulher também pode. As ciências estão postas para vocês também", relatou Marcele Santos após o bate-papo. A especialista em segurança da informação ficou bastante emocionada, pois já foi uma jovem estudante como aquelas garotas. "A experiência foi incrível. Ser esse fio condutor de esperança é o melhor que eu posso receber da vida", completa.


Apesar de o encontro fazer parte das comemorações do Salvador Bahia Airport para o Dia da Mulher, o projeto será permanente. Periodicamente, as mulheres das áreas técnicas da Concessionária serão convidadas a compartilhar suas trajetórias e a incentivar garotas a seguirem pelo mesmo caminho.


"No Salvador Bahia Airport defendemos a diversidade e a igualdade de oportunidades no ambiente de trabalho. Acreditamos que essa nossa filosofia não deve se restringir às nossas instalações, mas ser difundida para nossos fornecedores, clientes, parceiros e para a sociedade em geral", justifica Daniela Franco, gerente de comunicação do Salvador Bahia Airport. Ela acrescenta que a Concessionária está engajada para o cumprimento de um dos objetos de desenvolvimento sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU) para o ano de 2030: a igualdade de gênero.


De acordo com o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), apenas 21,3% dos profissionais de engenharia e agronomia são mulheres. A nível nacional, segundo o programa YouthSpark, da Microsoft, 18% dos graduados em ciência da computação e 25% dos empregados em áreas técnicas de tecnologia da informação (TI) são do sexo feminino.  Os números mostram que o tabu de que as mulheres têm pouca afinidade com áreas técnicas ainda resiste e a urgência de necessidades que querem esses preconceitos.

                         
Sobre o Salvador Bahia Airport


Localizado em Salvador, capital baiana e primeira capital brasileira, o Salvador Bahia Airport faz parte da rede VINCI Airports desde 2 de janeiro de 2018 através de um Contrato de Concessão com duração de 30 anos. Na lista dos dez aeroportos mais movimentados do País, ele conecta o estado da Bahia a 34 destinos, sendo 25 domésticos e 9 internacionais.


Desde o início da Concessão, o aeroporto tem incorporado padrões globais de operação, buscando entregar mais eficiência, segurança e uma melhor experiência de viagem para os seus passageiros. Grandes investimentos em um programa de modernização e ampliação levaram à extensão de 22.000 m² de área construída, ao acréscimo de seis novas pontes de embarque, à abertura de mais uma pista para aviação comercial e à instalação de um sistema de detecção e combate a incêndio. Além disso, o aeroporto se comprometeu a apoiar o desenvolvimento econômico do estado através do desenvolvimento de tráfego e iniciativas de estímulo ao turismo.


Reconhecido como um aeroporto verde pelo Conselho Internacional de Aeroportos, o Salvador Bahia Airport se destaca por suas conquistas no campo da sustentabilidade entre as quais zero descarte de efluentes, adoção de medidas visando eficiência energética, e a implementação de um programa efetivo de reciclagem. As iniciativas estão alinhadas com o compromisso da VINCI Airports em reduzir sua pegada de carbono. O Aeroporto também procura valorizar e promover as especificidades culturais e sociais da Bahia, um de seus grandes ativos.


Sobre a VINCI Airports


A VINCI Airports, como a maior operadora privada de aeroportos no mundo, administra o desenvolvimento e operação de 45 aeroportos localizados no Brasil, Camboja, Chile, Costa Rica, República Dominicana, França, Japão, Portugal, Sérvia Suécia, Reino Unido e Estados Unidos. Atendida por mais de 250 linhas aéreas, a rede VINCI Airports transportou mais de 255 milhões de passageiros em 2019.


Por meio de sua expertise como um integrador abrangente, a VINCI Airports desenvolve, financia, constrói e opera aeroportos, aproveitando sua capacidade de investimento e know-how para otimizar a gestão e o desempenho dos aeroportos e fazer ampliações e outras melhorias. Em 2019, sua receita anual para atividades geridas foi de 4,9 bilhões de euros e de 2,6 bilhões de euros para receita consolidada. Mais informações estão disponíveis em www.vinci-airports.com ou www.salvador-airport.com.br.