Espaço para exposições artísticas no Aeroporto é inaugurado com obras de Elano Passos e Will Recarey

Espaço para exposições artísticas no Aeroporto é inaugurado com obras de Elano Passos e Will Recarey

Mostra "Salvador – Traços e Olhares" é composta por 15 telas dispostas na área de embarque 


Além de souvenirs e boas memórias, os passageiros que deixam Salvador através do aeroporto vão levar consigo um pouco do olhar dos seus artistas. Isso porque o Salvador Bahia Airport acaba de inaugurar um espaço com 15 molduras para abrigar obras de origem baiana ou que remetam a temas relativos ao estado. O artista plástico Elano Passos e o fotógrafo Will Recarey inauguraram o espaço com a exposição "Salvador – Traços e Olhares".


Localizado na área de embarque, o espaço é um painel que remete ao Skyline (horizonte formado pelo contorno dos edifícios de uma cidade) de Salvador com molduras recortadas em sua estrutura. Ao remeter às referências locais, a iniciativa traduz o conceito de "Sense of Place" ou "Senso de Regionalidade", presentes nos 46 aeroportos da rede VINCI Airports, em que os terminais deixam de ser um lugar impessoal para abraçar a identidade de onde se encontram.


"Esta área de exposição é mais uma das nossas ações para proporcionar aos nossos passageiros uma experiência de viagem agradável. Queremos que o aeroporto seja um ambiente vivo, que vá além de um lugar de passagem. Aqui é um espaço de construção de boas memórias e realização de sonhos. Além disso, esta é uma forma de valorizar os artistas locais, tão cheios de talento e criatividade", explicou Daniela Franco, gerente de comunicação do Salvador Bahia Airport.


A exposição


A mostra "Salvador – Traços e Olhares" leva o espectador a passear pelos traços de nanquim de Elano Passos e pelas fotografias de Will Recarey. A escolha de retratar a capital da Bahia foi pensada para harmonizar a exposição com o painel em formato de Skyline. "Porque ele retrata alguns pontos turísticos da cidade, como o Farol da Barra, o Elevador Lacerda e a Igreja do Bonfim, decidimos que faríamos algo conectado a esse mesmo estilo", revela o fotógrafo Will Recarey.


Os trabalhos dos dois artistas se complementam na exposição e a mesma cena é retratada sob duas perspectivas diferentes, sempre trazendo ao espectador imagens típicas da capital baiana. "As duas leituras estão sempre dialogando entre si", explica o artista plástico Elano Passos.


De acordo com Elano, a ideia da mostra "Salvador – Traços e Olhares" surgiu a partir da sua própria participação na exposição "Arte no Ar", que reuniu cerca de 30 obras em tapumes usados nas obras de renovação e ampliação do Aeroporto. "Essa exposição contribuiu para que possamos espalhar a arte por outros espaços do Terminal", conta o artista, que passou a enxergar outras possibilidades para o terminal de passageiros.


Elano Passos


Artista que se dedica à essência das formas, à pureza dos traços, sem aplicação de cor nem acabamento fiel à realidade, Elano Passos apresenta uma obra que poderia ser finalizada pela imaginação de cada um por ser de natureza inacabada, por trazer a leveza de um traçado que de tão despretensioso revela a personalidade de um desenhista autêntico na sua forma de traduzir o mundo.


Desde que o baiano decidiu mostrar sua arte para o mundo, os acontecimentos confirmaram o potencial de receptividade da sua obra. Elano ilustrou dois livros do poeta cearense Bráulio Bessa; com conceito de atelier itinerante já levou suas obras pelos bairros de Salvador; foi uma das principais atrações do stand da Bahiatursa na ABAV – maior exposição de turismo do país; além de assinar as ilustrações das vinhetas de festas populares da Rede Bahia e também as curadorias de intervenções artísticas dentro da Vila EcoSquare e do Aeroporto de Salvador.


Will Recarey


O fotógrafo Will Recarey tem a fotografia na alma há mais de 30 anos. Nascido no ano de 1967 em Salvador, cursou faculdade de arquitetura e se especializou em design gráfico. Sempre relacionando seu trabalho fotográfico com essas duas áreas de atuação, teve sua primeira foto profissional publicada no Anuário de Arquitetura e Decoração da Bahia em 2003, de lá pra cá, participou de várias exposições e procurou explorar outras áreas da fotografia para adquirir cada vez mais conhecimentos, apurar seu olhar e enriquecer seu portfólio. Viagens, arquitetura, natureza, mar, paisagens, cotidiano, texturas entre outros, são os registros que compõem hoje seu acervo fineart.


Sobre o Salvador Bahia Airport


Localizado na capital baiana e primeira capital brasileira, o Salvador Bahia Airport está na lista dos dez aeroportos mais movimentados do país. Durante o ano de 2018, mais de 8 milhões de passageiros viajaram pelo terminal para cerca de 30 destinos com ligação direta, entre domésticos e internacionais.


O Salvador Bahia Airport foi integrado à rede VINCI Airports em 2 de janeiro de 2018, através de um Contrato de Concessão com duração até 2047. Visando oferecer uma melhor experiência aos seus passageiros e um melhor serviço às companhias aéreas, a VINCI Airports deu início a um ambicioso plano de investimentos para modernizar e ampliar o aeroporto. A primeira fase das obras, que inclui a construção de uma nova área de 22.000 m² e a remodelação do terminal existente, estará concluída em outubro de 2019.


Sobre a VINCI Airports


A VINCI Airports, como a maior operadora privada de aeroportos no mundo, gerencia o desenvolvimento e as operações de 46 aeroportos localizados na França, em Portugal, no Reino Unido, na Suécia, Sérvia, no Camboja, no Japão, nos Estados Unidos, na República Dominicana, na Costa Rica, no Chile e no Brasil. Atendida por cerca de 250 companhias aéreas, a rede VINCI Airports transportou 240 milhões de passageiros em 2018.


Por meio de sua expertise como um integrador abrangente, a VINCI Airports desenvolve, financia, constrói e opera aeroportos, aproveitando sua capacidade de investimento, network internacional e know-how para otimizar a gestão e o desempenho das infraestruturas aeroportuárias existentes, suas extensões e projetos de novas construções. Em 2018, sua receita anual para atividades geridas foi de 3,6 bilhões de euros e de 1,6 bilhão de euros para receita consolidada. Mais informações estão disponíveis em www.vinci-airports.com ou www.salvador-airport.com.br.